Conheça alguns dos ídolos

Um ídolo surge quando um jogador conquista o coração de uma torcida. Um jogador que passa pelo Corinthians pode ficar marcado dependendo do seu esforço como foi o caso de Roger Guedes que atualmente está no Qatar mas que infelizmente não conquistou nenhum título.

Neto é um dos maiores ídolos da história do Corinthians de todos os tempos. Em sua carreira, Neto defendeu o Corinthians por duas vezes: 1989 a 1993 e de 1996 a 1997. Em um total de 228 partidas, Neto marcou 80 gols. Durante suas passagens pelo clube, o atleta conquistou 3 títulos oficiais e já defendeu todos os quatro times paulistas.

Neto

Ronaldo é um centroavante que atuou pelo Corinthians de 2009 a 2011. Ronaldo voltou da Europa pelo o Corinthians e no ano de 2009 conseguiu dois titulos seguidos:  o Campeonato Paulista e a Copa do Brasil. O centroavante atuou 69 partidas pelo Corinthians e marcou 35 gols. Ronaldo, depois de Pelé, pode ser considerado um dos melhores jogadores do mundo. Ele conquistou a Copa do Mundo em 1994 e 2002 e teve passagens pelos maiores times da Europa, como Real Madrid, Milan e PSV.

Ronaldo

Casagrande foi um centrovante que, junto com Sócrates, participou da Democracia Corintiana. Casagrande conquistou dois Campeonatos Paulistas. Além disso, marcou 103 gols em seus 256 jogos disputados.

Casagrande

Sócrates não apenas foi um dos melhores jogadores do Corinthians, mas também do Brasil. O meio-campista liderou o Corinthians na década de 80 e era conhecido por se posicionar bem taticamente. Além de ter sido um dos grandes nomes que impulsionou a Democracia Corintiana, ele também vestiu a camisa da seleção brasileira.

Sócrates

Marcelinho Carioca é um dos maiores ídolos da história do Corinthians. O meia atuou 423 partidas com a camisa alvinegra. O atleta é reconhecido por seu chute colocado e pela habilidade de marcar gols de falta. Marcelinho fez 224 gols e conquistou 10 títulos, sendo os mais reconhecidos dois títulos brasileiros de 1998 e 1999 e o Mundial de 2000.

Marcelinho Carioca

Neste blog, não poderia faltar a imagem do maior goleiro da história do Corinthians de todos os tempos. Ele é um goleiro diferenciado, conhecido por seu estilo e por ser um especialista em defesas de pênaltis em momentos decisivos, tornando-se o maior pegador de pênaltis da história do clube, ultrapassando Ronaldo Giovanelli com 27 defesas. Ele estreou em 2012 contra o XV de Piracicaba, no Pacaembu, durante o Campeonato Paulista em 2012, e recentemente atingiu a marca de 700 jogos com a camisa alvinegra.

Cássio

Fonte: (em negrito)